0

Notícia atualizada em

Fantasias e alegorias primorosas marcaram o desfile da escola de samba Águia de Ouro, na madrugada deste domingo (23), pelo grupo Especial de São Paulo. A quinta escola da noite fez uma apresentação contagiante e questionou em seu enredo até onde o saber pode conduzir os destinos da humanidade?

O desenvolvimento do desfile, que defendeu o tema “O Poder do Saber – Se Saber é Poder… Quem Sabe Faz a Hora, Não Espera Acontecer”, ficou sob a responsabilidade do carnavalesco estreante, Sidnei França, que coleciona passagens pela Mocidade Alegre, Unidos de Via Maria e, no último carnaval, na Gaviões da Fiel. A direção de carnaval da azul e branco conta com o trabalho de Laila, ex-Beija-Flor de Nilópolis (RJ).

Desfile da Águia de Ouro (Foto: Erich Marinho / Amantes do Carnaval de São Paulo)

Dinossauros, homens pré-históricos foram representados no grande carro abre-alas da azul e branco. A capacidade humana de evoluir no conhecimento foi retratada nas outras alegorias da agremiação.

Armênio Poesia, Chanel, Darlan Alves, Fredy Viana, Marcelo Casa Nossa e Xandinho Nocera são autores do samba-enredo da agremiação.

Comentários do Facebook

Galeria de fotos do desfile oficial da Águia de Ouro

Previous article

Assista à largada do desfile 2020 da Águia de Ouro

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like