0

Notícia atualizada em

O Carnaval de Rua da Vila Matilde – Bloco Banda das Cachorras assinou convenio para junto de profissionais de costuras produzirem máscaras protetivas nas unidades das escolas técnicas estaduais (Etecs) do Centro Paula Souza através da sua mantenedora ASPD – Associação São Paulo Diferenciado – ASPD.

“Para o combate ao avanço do Covid-19 estamos gerando renda por meio da costura de máscaras não descartáveis doadas às comunidades vulneráveis nas comunidades da zona leste da capital, com parceria da iniciativa privada, associação e poder público.” afirma Emerson Nunes de Oliveira, diretor presidente da ASPD.

A Fundação Tide Azevedo Setubal – FTAS, Instituto Bei, Centro Paula Souza contribuem nessa ação, os profissionais de costura estão nas unidades da Etec de Esportes, Parque Novo Mundo, Etec José Rocha Mendes, Vila Prudente, Etec Sapopemba, Etec Cidade Tiradentes e Etec Tiquatira – Penha, unidades administradas no programa pela ASPD.

Os profissionais de costura adquirem geração de renda, economia criativa e as comunidades recebem toda produção de graça. Muitos sem ter condições de comprar uma máscara protetiva que mantem todos padrões internacionais de saúde.

As primeiras comunidades, moradores de rua, desprotegidos pela ausência e falta de recursos ficam felizes com a ação.

O Carnaval de Rua da Vila Matilde – Bloco Banda das Cachorras realizou seu carnaval em março e na sequência abraçou a causa social. Mais informações pelo whatzapp (11) 949915430 ou e mail: aspd@redefolha.com.br

Comentários do Facebook

Estrela faz live e lança seu novo enredo

Previous article

Em primeira mão: Bezerra da Silva será enredo no próximo Carnaval

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

More in Eventos