0

A atual campeã do Grupo Especial de São Paulo, a Mancha Verde, vai tentar seu bicampeonato com desfile que faz um reflexão sobre o comportamento do ser humano ao longo da história.

O projeto leva o título “Pai! Perdoai, eles não sabem o que fazem” e foi divulgado na noite deste sábado (1) na quadra social da agremiação.

Foto: (Felipe Cruz / Amantes do Carnaval de São Paulo)

Para o lançamento, a diretoria preparou um super espetáculo encenado por componentes da casa, que ajudaram os espectadores com a interpretação da história que será contada.

Foto: (Felipe Cruz / Amantes do Carnaval de São Paulo)

O carnavalesco responsável é Jorge Freitas, que fará seu segundo desfile pela Mancha e ele revela que “o desfile será impactante e fará com que as pessoas repensem suas atitudes com o próximo”.

O Holocausto, a corrupção no Brasil e outros casos tristes que ficaram marcados na história foram mostrados em um telão durante a festa.

Vale ressaltar que o título do enredo é inspirado na frase que Jesus disse nos minutos que antecederam sua morte. Ao ser crucificado ao lado de dois malfeitores, Jesus exclamou a Deus pedindo o perdão para seus algozes.

A passagem bíblica, relatada no Livro de Lucas, notadamente no Capítulo 23, é uma reflexão a pessoas de todas as religiões de que devemos nos ater aos nossos princípios e valores humanos, principalmente no respeito ao próximo.

Assim diz o trecho (Lucas, 23):

“34 Jesus disse: “Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que fazem”. Então eles dividiram as roupas dele, tirando sortes.

35 O povo ficou observando, e as autoridades o ridicularizavam. “Salvou os outros”, diziam; “salve-se a si mesmo, se é o Cristo de Deus, o Escolhido.”

36 Os soldados, aproximando-se, também zombavam dele. Oferecendo-lhe vinagre,

37 diziam: “Se você é o rei dos judeus, salve-se a si mesmo”.

38 Havia uma inscrição acima dele, que dizia: ESTE É O REI DOS JUDEUS.

39 Um dos criminosos que ali estavam dependurados lançava-lhe insultos: “Você não é o Cristo? Salve-se a si mesmo e a nós!”

40 Mas o outro criminoso o repreendeu, dizendo: “Você não teme a Deus, nem estando sob a mesma sentença?

41 Nós estamos sendo punidos com justiça, porque estamos recebendo o que os nossos atos merecem. Mas este homem não cometeu nenhum mal”.

42 Então ele disse: “Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino”.

43 Jesus lhe respondeu: “Eu garanto: Hoje você estará comigo no paraíso”.

A Mancha vem, com este enredo, não fazer uma representação teatral da Bíblia, mas mostrar que a maldade, as injustiças e a intolerância fazem parte da história humana, bem como mostrar seus efeitos devastadores.

A rainha de bateria Viviane Araújo esteve na festa e interagiu com a comunidade.

Foto: (Felipe Cruz / Amantes do Carnaval de São Paulo)

Outra novidade foi a primeira participação do novo mestre de bateria da Mancha, mestre Guma.

Veja identidade visual da Mancha Verde para 2020

Comentários do Facebook

Novo enredo da Dragões exalta o riso

Previous article

Leia a sinopse 2020 da Dragões da Real

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like