0

Por Felipe Cruz, Guilherme Queiroz, Cidmara Formenton, Hugo Vicunha e Tiago Bombonatti.

Aconteceu na noite deste sábado (17) a festa de lançamento do CD com os sambas-enredo para o Carnaval de 2017 de São Paulo. O evento reuniu as 22 escolas de samba dos Grupos Especial e Acesso e aconteceu na ‘Fábrica do Samba’, um complexo de barracões criado pela Liga, em parceria com a prefeitura de São Paulo e que está atualmente abrigando 7 entidades: Vila Maria, Nenê de Vila Matilde, Acadêmicos do Tatuapé, Acadêmicos do Tucuruvi, Gaviões da Fiel, Tom Maior e Dragões da Real.

Esse foi o primeiro evento aberto ao público realizado na Fábrica. Um pouco mais cedo o prefeito Fernando Haddad esteve no local para fazer a inauguração da obra. O Amantes do Carnaval acompanhou, em tempo real, toda a movimentação da festa. Confira a cobertura feita clicando aqui.

Com uma hora de atraso, a primeira agremiação do Grupo de Acesso a cantar seu samba 2017 foi a Estrela do Terceiro Milênio, logo em seguida vieram: Leandro de Itaquera, Camisa Verde e Branco, Independente, X-9 Paulistana, Imperador do Ipiranga, Colorado do Brás e Pérola Negra. Na ocasião, houve uma inversão na ordem de apresentação da X-9 Paulistana. A entidade seria a última deste grupo.

img_1354

Por volta da meia noite o público começou a curtir as apresentações das escolas do Grupo Especial, que desfilarão na sexta-feira de Carnaval, dia 24 de fevereiro. A primeira, invertendo a ordem oficial, foi a Dragões da Real, que subiu ao palco para emocionar com “Asa Branca”, seu tema de enredo para o ano que vem. Na sequência vieram Tom Maior, Mocidade Alegre, Unidos de Vila Maria, Peruche, Gaviões da Fiel, Acadêmicos o Tucuruvi e Águia de Ouro. A nação perucheana também fez sua apresentação com horário alterado.

img_1439

Logo depois foi a vez de do público apreciar as agremiações que passarão pelo sambódromo no sábado de Carnaval, 25 de Fevereiro. Mancha Verde e Império foram as primeiras. O tigre guerreiro prestou uma linda homenagem em respeito a morte da imperiana Dona Conceição. A atual campeã da folia paulistana trouxe diversos componentes fantasiados que cantaram fortemente seu samba 2017.

Dando continuidade, foi a vez da saracura fazer todo mundo ‘sair do chão’ com sua obra sobre Mãe Menininha do Gantois. Nenê de Vila Matilde e Rosas de Ouro, respectivamente, foram responsáveis pelo encerramento.

img_1528

Público avalia a festa na ‘Fábrica do Samba’

Durante toda a noite nossos repórteres conversaram com os espectadores do evento e os questionaram sobre tudo o que acontecia na festa. O professor de educação física, Vanderlei Santos, gostou da ‘Fábrica do Samba’, mas reclamou do altos preços dos alimentos e também dos atrasos nas apresentações. “A festa foi ótima, o lugar é grande e bonito, mas precisam rever horários e preços dos alimentos”, comenta. O profissional não quis posar para fotos.

Veja mais algumas fotos do evento: (Fotos: Guilherme Queiroz / Amantes do Carnaval de São Paulo)

Comentários do Facebook

Lançamento do CD: minuto a minuto

Previous article

Vídeo: veja as apresentações de sete escolas na festa do CD 2017

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like