0

Por Gustavo Andrade
Com a colaboração de Felipe Cruz, Cidmara Formenton e Hugo Vicunha

Neste sábado (21), também foi a vez da Imperador do Ipiranga fazer seu primeiro ensaio técnico no sambódromo do Anhembi. Em 2017, a agremiação se apresenta pelo Grupo de Acesso com a reedição do enredo de 2004: “Ipiranga, Berço Esplêndido de um Povo Heróico”, desenvolvido pelo carnavalesco Mauro Xuxa.

Na concentração, o novo intérprete da casa, Adeílton Almeida, fez o “esquenta”, cantando o hino e outros sambas que fazem parte da memória da escola. Em seguida, o samba composto por Batuta e Dall’Acqua Neto entrou em cena.

IMG_3673

A apresentação das alas e da bateria

A bateria de Mestre Vitor Velloso agitou a pista e fez uso de paradinhas. Mas os componentes apresentaram canto moderado, que só ganhava força nos refrões. Quando o 1º casal de mestre-sala e porta-bandeira, Júnior Carraro e Suellen Aman, passou pela pista, a chuva já estava fraca e não atrapalhou o bailado da dupla.

IMG_3680

Opinião do público

Matheus Eduardo, estudante, gostou do ensaio, mas disse que a Imperador precisa trabalhar o canto dos integrantes. “Esse samba é histórico, mas os componentes precisam cantar mais”, comentou.

A voz da comunidade

Antes de deixar o sambódromo a advogada Marluci Pereira falou com o Amantes e tirou suas conclusões sobre o treino. “É minha primeira vez na avenida, achei tudo muito bom. A escola está de parabéns”, concluiu.

Comentários do Facebook

Comissão e bateria são destaques em segundo ensaio da Camisa

Previous article

Vídeo: grito de guerra Peruche

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like