0

Na tarde desta terça-feira (26) a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo lançou uma nota dando um parecer sobre os três incêndios que atingiram diversas alegorias que estavam estacionadas em um terreno ao lado do sambódromo. O texto foi publicado nas mídias sociais da entidade.

Vale destacar que os carros alegóricos não estavam ilegalmente no local, pois havia um acordo firmado entre as escolas e o proprietário do terreno que garantia a permanência dos veículos até meados de junho de 2016.

Confira a nota na íntegra:

No último domingo (24), um incêndio atingiu a área em que estavam estacionadas as alegorias de 12 agremiações do carnaval paulistano, na Zona Norte da cidade. Este foi o terceiro incêndio em menos de 1 mês, o que nos leva a crer que as ações foram criminosas e orquestradas por algum grupo que não quer a evolução do Carnaval de São Paulo.

Cerca de 50 alegorias foram totalmente destruídas neste incêndio, criando um cenário triste e avassalador, digno de um filme de terror, mas infelizmente se trata da vida real e a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, não pode perder tempo, e ontem mesmo convocou os presidentes de todas as agremiações para juntos tomar importantes decisões quanto ao acontecido.

Vale esclarecer que as alegorias não estavam lá estacionadas irregularmente, já que um aditamento do contrato garante a permanência das mesmas até meados do mês de junho, tudo isso em comum acordo com as agremiações e os proprietários do terreno. Mesmo assim, para apagar esta cena triste e recomeçar novas histórias, todas as alegorias, ou o que restaram delas, serão retiradas da área nos próximos dias, deixando o terreno limpo e evitando que novas ações criminosas possam afetar ainda mais o carnaval e também os moradores da região. Em paralelo à isso, a Liga buscará o incentivo de parceiros para garantir apoio e suporte às escolas atingidas e começar a reconstruir ainda este mês as bases de todas alegorias que foram perdidas.

Esse esforço só será possível graças ao comprometimento de todas as agremiações, inclusive as que não foram atingidas, que vão unir forças para que o Carnaval de São Paulo continue com o mesmo brilho e apresentando o espetáculo que só tem crescido nos últimos anos.

Vamos juntos recomeçar do zero, em um grande mutirão, mas temos a certeza que estaremos fortalecidos e unidos, Agremiações e Liga, em prol da cultura e do samba da nossa cidade.

Confiamos também no trabalho do Corpo de Bombeiros e da Polícia que estão investigando as causas do incêndio e esperamos que em breve possamos identificar e ver os responsáveis punidos por esta barbaridade.

Paulo Sérgio Ferreira
Presidente da Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo

Comentários do Facebook

Confira o enredo e o logo 2017 da X-9 Paulistana

Previous article

Coreógrafo recruta membros para comissão de frente

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like