0

Na tarde deste sábado (26) a escola de samba Mancha Verde, atual campeã do Carnaval de São Paulo, publicou em suas redes sociais uma Nota Oficial na qual expressa seu descontentamento com os contratos que regem o Carnaval paulistano.

A nota afirma que os “contratos com emissora de TV, bilheteria e prefeitura não são passíveis de discussão em plenária”, chegando prontos para as Escolas de Samba.

No Direito tal situação recebe o nome de “contrato de adesão”, ou seja, quando as cláusulas não podem ser pactuadas livremente entre as partes. Ao passo que uma das partes redige o contrato, à outra só resta aderir sem qualquer tipo de negociação.

A agremiação, diante disso, afirma que não enviará mais representantes para as reuniões plenárias da LIGA sem que isso signifique, contudo, que a escola está se desfiliando da entidade ou pleiteando algum cargo dentro de seu quadro administrativo.

A escola afirma, ao fim, que apenas deseja que o Carnaval seja tratado com “respeito e dignidade”.

O texto foi assinado pela diretoria da alvi-verde e você confere na íntegra:

“NOTA OFICIAL

NÃO ACEITAMOS SER CONDUZIDOS!!

É triste o que vem acontecendo na Liga das Escolas de Samba de SP e mais triste a forma como o carnaval é tratado pela própria entidade que o administra, e a Escola de Samba Mancha Verde não aceita e não concorda com o modelo administrativo que vem sendo adotado.

Antigamente tudo era discutido nas reuniões, inclusive os contratos e todas as Escolas participavam, opinavam e brigavam pelos seus pontos de vista, hoje em dia, só é motivo de discussão nas plenárias assuntos como o critério de julgamento, jurados e coisas referentes ao carnaval na pista. Mas quando o assunto são os contratos com emissora de TV, bilheteria e prefeitura, eles já chegam prontos, sem uma prévia discussão.

Sendo assim, com as coisas decididas de qualquer forma, a Escola de Samba Mancha Verde não mandará mais nenhum representante para as Plenárias e isso não quer dizer que sairemos da Liga ou que queremos algum cargo ou função.

O que queremos é que o carnaval seja tratado com respeito e dignidade.

O carnaval está em um nível que não podemos aceitar certas coisas.

DIRETORIA – ESCOLA DE SAMBA MANCHA VERDE”

 

NOTA OFICIAL NÃO ACEITAMOS SER CONDUZIDOS!! É triste o que vem acontecendo na Liga das Escolas de Samba de SP e mais…

Posted by Escola de Samba Mancha Verde on Saturday, October 26, 2019

 

Comentários do Facebook

Encontro de baterias terá Mocidade Alegre, Grande Rio e mais três escolas

Previous article

Internautas apontam enredo da Peruche como favorito do Acesso 2

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

More in Mancha