0

O atual presidente da escola de samba Vai-Vai publicou esta quarta-feira (17) um comunicado informando seu afastamento do cargo que ocupava desde 2010. Darly Silva, o ‘Neguitão’, foi o sexto comandante na história da maior campeã do Grupo Especial de São Paulo.

No comunicado, compartilhado nas redes sociais da alvinegra, Silva destaca que a “decisão  é de sua vontade e se fundamenta, sobretudo, em razão do momento político conturbado que a entidade atravessa, e tem por objetivo unir novamente a instituição”.

Leia o comunicado na íntegra:

Depois de conquistar a décima colocação em 2018, posição que não ocupava desde 2004, a entidade tem enfrentado diversas manifestações contra gestão que era liderada por Neguitão.

As ações eram realizadas pelo “Movimento de Oposição RESISTÊNCIA VAI-VAI”, que, de acordo com seu site na internet, os membros estão “dedicados à devolução da VAI-VAI para os seus verdadeiros donos, ou seja, À COMUNIDADE!”.

A direção da alvinegra tem se posicionado nas redes sociais quanto as atitudes do grupo. No dia 29 de julho, a entidade deu inicio aos “Ensaios Esquenta” e contou com a presença da coirmã Mocidade Alegre. Logo após a apresentação da escola do limão, membros do grupo de oposição entraram na quadra para falar com Neguitão.  Vidros de carros que estavam nas proximidades da sede social foram quebrados. Vídeos publicados na internet mostraram correria e discussões.

Em 2019, a entidade trouxe o enredo “Vai-Vai: o quilombo do futuro”, e acabou sendo rebaixada para o Grupo de Acesso 1.

 

Comentários do Facebook

Ouça o novo samba-enredo da Leandro de Itaquera

Previous article

Último enredo do Grupo Especial para 2020 será anunciado neste sábado

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like