0

Notícia atualizada em

Disposta a conquistar uma concorrida vaga para o grupo Especial em 2021, a tradicional Nenê de Vila Matilde cruzou a passarela do samba, neste domingo (22), e trouxe como enredo a história de uma das bebidas mais consumidas no mundo, a cerveja. A azul e branco narrou a história da cerveja, desde sua origem na antiguidade até sua transformação em um símbolo da identidade brasileira e será desenvolvido pelo carnavalesco Zilkson Reis.

Com tema “O Presente da Deusa e o Brinde da Águia”, o projeto trouxe o surgimento da bebida na Suméria, região mesopotâmica, e passou pelos principais pontos de sua trajetória histórica até a chegada no Brasil: Egito Antigo, Império Romano, navegação holandesa e comitiva da Família Real Portuguesa.

Abordou também os efeitos culturais da popularização da cerveja no Brasil e como a bebida se tornou um símbolo da nossa identidade, a partir de sua associação com diversas atividades e expressões culturais. Dentre elas, o samba.

Componente da Nenê (Foto: Felipe Cruz / Amantes do Carnaval de São Paulo)

Adauto Alves, Akash, China, Dadô Poeta, Marcio Pessi e Samuel Bussunda são os autores do samba-enredo cantado pelo intérprete Agnaldo Amaral.

Comentários do Facebook

Assista à largada do desfile 2020 da Nêne de Vila Matilde

Previous article

Veja imagens do desfile oficial da Nenê de Vila Matilde

Next article

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

More in Acesso 1